Servidor público é perseguido por encontrar irregularidades nas contas do município

Um servidor concursado do Executivo descobriu um rombo nas contas da Prefeitura de Gramado. A descoberta ocorreu após a análise de documentos no setor de Tecnologia da Informação. O valor ainda está sendo apurado. O concursado tentou, sem sucesso, informar o prefeito do que ocorreu, mas foi impedido de dialogar com Nestor Tissot por pessoas próximas a ele.
 
A atitude do servidor, segundo uma fonte da Gramado FM, gerou a instauração de um Processo Administrativo Disciplinar - PAD - na última sexta-feira (14), cuja sindicância inicia nesta terça-feira(18). O concursado acredita que está sofrendo perseguição em virtude da atitude que tomou e corroborado com o fato de estar no período do estágio probatório, o que não lhe garante a estabilidade do cargo público.
 
A Prefeitura de Gramado ainda não se manifestou sobre o assunto.

.

.