Funcionário público afirma que possui provas de supostas irregularidades

Servidor da Prefeitura reafirma que sofre perseguição
 
O suspense está no ar dentro do Executivo Municipal
O analista de sistemas, Leandro da Silva Perachi, encerra a semana reafirmando que sofre perseguição de colegas do Executivo e que possui provas contundentes de supostas irregularidades praticas na Administração do município.
 
Após a divulgação do caso pela mídia impressa, Leandro buscou a tutela do Ministério Público em Gramado para que este tomasse as providências cabíveis. Na última terça-feira (18), Perachi foi ouvido pela comissão disciplinar da Prefeitura e agora a sua defesa irá contestar o Processo Administrativo Disciplinar aberto contra ele pela prática de insubordinação e excessos na sua conduta.
 
O Executivo, através do prefeito e do secretário de Administração, afirmam que as atitudes tomadas pelo servidor se configuram em falta grave e que ensejam a sua exoneração após o trânsito e julgado do processo administrativo.
 
Na defesa de Leandro da Silva Perachi atua o advogado César Fávero, do Sindicato dos Servidores Municipais de Gramado.

.

.