Coworking Gramado conquista espaço

O Coworking Gramado, único escritório compartilhado da Região das Hortênsias, completou seis meses de atividades consolidado como local de trabalho para profissionais liberais e espaço para eventos, cursos, palestras e oficinas. Com a proposta de apresentar o conceito para a comunidade, o empreendimento lançou uma promoção especial: de 17 a 21 de dezembro não haverá cobrança de taxas de serviço dos coworkers. Os profissionais podem utilizar as dependências do escritório pagando apenas por ligações telefônicas efetuadas.

O escritório coletivo oferece infraestrutura completa e moderna. Com capacidade para atender 12 profissionais simultaneamente, o Coworking Gramado é equipado com móveis de alto padrão, internet de alta velocidade, central telefônica, fax e impressora. Além do ambiente coletivo, o estabelecimento oferece quatro salas especiais para reuniões – duas mais amplas e duas VIP –, cozinha e área de convivência. Todos os ambientes são equipados com climatizador e TVs de Led. Com sistema de videomonitoramento, o ambiente é totalmente seguro. O espaço também dispõe de secretária e faxineira em tempo integral. “Investimos em equipamentos e tecnologia para garantir qualidade ao serviço. Contamos em Gramado com o que existe de mais moderno em coworking”, frisa Éder Mapelli, idealizador do Coworking Gramado.

Mapelli explica que a estrutura coletiva possibilita economia aos profissionais. “O nosso cliente não tem despesas de luz, internet, água, secretária, serviço de limpeza, condomínio e aluguel”, salienta. O cliente também pode utilizar o coworking para obtenção de endereço fiscal. “O registro de CNPJ é feito sem burocracia e sem fiadores. Tudo totalmente regularizado. O profissional que trabalha conosco encontra diferentes modalidades de serviços”, diz.

Além de reduzir custos, o sistema de trabalho integrado permite a geração de novos negócios. O idealizador enfatiza que os coworkers têm a possibilidade do intercâmbio profissional. “Com coworkers dos mais variados segmentos trabalhando em espaço compartilhado, muitos negócios são gerados. Os profissionais podem trabalhar em parceria. No escritório individual, a troca de informações fica mais restrita”, diz Mapelli.

PERFIL

O perfil dos usuários do escritório coletivo é bastante diversificado. O coworking pode ser utilizado apenas para obtenção de endereço fiscal ou até mesmo por grandes empresas. Os coworkers Manolo Esteves e Ana Candida Carara trabalham na organização do 1° Salão Gramado, uma feira de móveis nacional que vai ocorrer de 1º a 4 de julho, no Serra Park, em Gramado. O local escolhido para organizar o evento foi o Coworking Gramado. “Estou trabalhando aqui desde outubro. Optamos pelo coworking porque dispõe de toda a infraestrutura e com qualidade. Se fossemos alugar um escritório, teríamos que montar tudo. Aqui está tudo pronto”, afirma Manolo.

Além da infraestrutura completa, ele cita a economia e a praticidade como diferenciais do coworking. “Contamos com telefone, internet e local para reuniões. Temos salas privativas à disposição. O espaço é ótimo para receber clientes e fornecedores”, elogia.

Outro aspecto considerado importante por Ana Candida é a localização central do Coworking Gramado. “O escritório está bem localizado. O acesso é facilitado”, diz.

O Coworking Gramado fica na rua Senador Salgado Filho, 447, e funciona de segunda a sexta-feira das 8h às 12h e das 13h30 às 18h.

Crédito: Halder Ramos

.

.