Três adolescentes atearam fogo na Expo

O setor de investigação da Polícia Civil de Gramado identificou os três adolescentes que atearam fogo no Pavilhão 3 da ExpoGramado, no último domingo, destruindo a decoração de rua do Natal Luz.

Ontem à noite, o delegado Gustavo Celiberto Barcellos interrogou dois adolescentes, com 14 e 15 anos, que assumiram a autoria do delito. Hoje, às 10h, será ouvido o terceiro menor suspeito de ter praticado o crime.

Barcellos confirmou, em entrevista agora pela manhã, que os depoimentos prestados pelos infratores estão de acordo com o levantamento pericial preliminar que indicou que o incêndio teria sido provocado.

A perícia constatou que, pelo menos, quatro focos de incêndio teriam provocado a destruição do material composto por plástico e madeira. Durante à tarde, um dos menores foi levado até o local e confirmou a localização dos pontos onde teria, juntamente com os seus parceiros, ateado fogo com materiais inflamáveis que estavam dispostos no local, como tintas e um galão de cinco litros de solvente.

Após constarem que o fogo tomava conta do local, os menores infratores tentaram, sem sucesso, conter o incêndio e fugiram do local, sendo vistos por uma testemunha que comunicou ao Corpo de Bombeiros a ocorrência de fogo.

A Polícia Civil trabalha com a hipótese de premeditação do delito e também vandalismo. 

PENALIDADES

Se confirmada a autoria do crime pelos menores, o delegado Gustavo Barcellos irá indiciá-los conforme determina o Estatuto da Criança e Adolescente com a possibilidade de que os mesmos possam ser recolhidos à Fase - Fundação Estadual de Proteção ao Adolescente Infrator.

.

.